O apelo de uma mãe desesperada

 

 

O Guilherme é meu filho. Ele tem 5 aninhos de vida e depois de ser diagnosticado com leucemia linfoblástica aguda (LLA) com 11 meses de idade, tratou com quimioterapia e entrou em remissão. Infelizmente neste mês o Guilherme teve uma recaída e já iniciou o novo tratamento. Encontrar um DOADOR DE MEDULA é fundamental agora, pois poderá ser a única maneira dele ficar totalmente curado. E diferente do que muitos pensam, a compatibilidade quando não ocorre entre irmãos, não é encontrada em outros parentes.

Assim dependemos da solidariedade e agilidade de amigos e de todos para fazermos uma campanha de cadastro dos voluntários no Banco de Medula Óssea (REDOME), pois ele poderá vir a precisar de uma compatibilidade de 100% ou o mais próximo possível. Tudo seria muito simples e fácil, se não fosse o problema da compatibilidade entre as células do doador e do receptor. A chance de encontrar uma medula compatível é, em média, de UMA EM CEM MIL! Sabemos que é possível e vamos encontrar!!! Cito um exemplo de sucesso, que foi o caso da atriz Drica Moraes, ela encontrou um doador 100% compatível.

Passo a passo para se tornar um doador:

– Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde poderá doar medula óssea.

– Ir a um hemocentro, todas as capitais possuem um. No Rio de Janeiro existem 2 endereços: O HEMORIO – que funciona de 2ª a 6ª feira de 8 às 12 horas, Guichê 1 do Setor de Cadastro, no Salão de Doadores ou no INCA onde o atendimento é segunda a sexta-feira, de 7h30 às 14h30, e aos sábados, de 8h às 12h.

– O candidato não precisa estar em jejum. Ele fará seu cadastro e será coletada uma amostra de 5 ml de sangue para a realização dos exames de histocompatibilidade.

– Estes testes determinam as características genéticas que são necessárias para a compatibilidade entre o doador e o paciente.

– Os dados pessoais e os resultados dos testes são armazenados em um sistema informatizado nacional que realiza o cruzamento com dados dos pacientes que estão necessitando de um transplante.

– Em caso de compatibilidade com um paciente, o doador é então chamado para exames complementares e para realizar a doação.

– A doação de medula óssea é um gesto de solidariedade e de amor ao próximo.

– É muito importante que sejam mantidos atualizados os dados cadastrais para facilitar e agilizar a chamada do doador no momento exato.

* Instituto Estadual de Hematologia Arthur de Siqueira Cavalcanti – HEMORIO
Rua Frei Caneca, 8 – Centro – Rio de Janeiro
Telefone: (21) 2509-1290

* Instituto Nacional de Câncer – INCA
Praça da Cruz Vermelha, 23 – 2º andar – Centro – Rio de Janeiro
Telefone: (21) 2506-6580

Publicado em agosto 29, 2012, em Na luta e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: